NOTA DE REPÚDIO AO GOVERNADOR ELMANO DE FREITAS

202

O Sindicato dos Servidores do IFCE repudia a fala do Governador do Ceará, Elmano de Freitas, sobre a greve dos professores das universidades cearenses.

Muito nos estranha que o Governador, forjado nas lutas e na defesa dos movimentos sociais, busque criminalizar o movimento de greve das universidades estaduais, direito assegurado pela Constituição.

Nós, que fazemos a educação dos Institutos Federais, neste momento também em greve, sabemos a importância da solidariedade diante de um cenário intransigente. Estamos buscando manter abertas as nossas negociações com o governo federal.

É oportuno salientar, ainda, que a greve unificada, ocorre no Ceará, terra do Ministro da Educação, Camilo Santana, ex-governador do nosso Estado.

Portanto, queremos não só nos solidarizar com os companheiros servidores da educação do nosso estado, mas com os dirigentes sindicais, que guiam a luta. Sabemos que o caminho é árduo, mas o propósito é imenso.

Ao governador Elmano de Freitas, desejamos que recobre sua consciência de militante, ativista e defensor das justas causas dos trabalhadores; é, sim, tentador, o sabor do poder e do capital, mas não há nada mais fortuito do que ter consciência do lugar de onde veio!

Força para os companheiros! Seguimos na luta, juntos!

TRADUÇÃO EM LIBRAS: