Ofício-Circular número 46/2022 da PROGEP – Pontos importantes e orientações aos grevistas

Sobre o Ofício-Circular número 46/2022 da PROGEP, o SINDSIFCE traz esclarecimentos importantes e remete orientações aos grevistas. Confira!

– As gestões de campi só precisam enviar controle das faltas de grevistas para a Progep entre os dias 5 e 7 de julho;
– Durante o mês de junho a função das gestões deve ser apenas de acompanhar os dias de adesão à greve e desenvolver ferramenta de acompanhamento interno para registro desse controle, se assim desejarem. Em hipótese alguma a gestão deve abordar servidores para assinatura de documentos ou controle de frequência;
– Todas as tratativas da greve são realizadas entre o SINDSIFCE e a Reitoria do IFCE, portanto, serão considerados inválidos e de caráter coercitivo quaisquer instrumentos que vislumbrem acordos individuais;
– Foi ajuizada ação para suspensão da aplicação da IN 54/2021, que deve seguir o trâmite judicial durante o mês de junho. Vale destacar que esse é o primeiro ano em que o movimento paredista se confronta com tal ato administrativo, portanto, o questionamento jurídico acerca de sua execução é compatível com o processo de negociação;
– Os grevistas devem assinar as listas de frequência/participação nas atividades de greve remetidas APENAS pelo Sindicato;
– Esse Ofício não deve ser utilizado como mecanismo de desmobilização, ameaça ou impedimento ao direito de greve. Todas as medidas administrativas tomadas pelo IFCE estão em processo de negociação e ajuizamento, portanto, passíveis de alteração ou suspensão;
– O SINDSIFCE manterá a autonomia da mesa de negociação, buscando novas negociações e reversão da interpretação administrativa da IN 54 pela PROGEP;
– É importante dizer que quanto maior a greve, mais forte é nosso poder de barganha! Vamos ampliar o debate, o apoio popular e a adesão de todes que fazem o IFCE e a rede federal. À luta companheiros!!!

É GREVE PORQUE É GRAVE!

As diversas atividades de greve continuam acontecendo em diversos campi do iFCE, em intensas mobilizações.

Para saber tudo o que acontece em nossa greve, visite página oficial: https://sindsifce.com.br/categorias/egrevepqegrave/