Assembleia decide por unanimidade: greve continua!

248

Docentes e técnicos administrativos (TAES) do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE) recusaram, hoje (24), por unanimidade, a última proposta do governo, apresentada para docentes e TAEs nos dias 15/05 e 21/05, respectivamente, por considerarem que elas não trazem avanços significativos em relação às negociações anteriores.

A decisão confirma a manutenção da greve e exige a continuidade das negociações com o governo federal.

A Assembleia foi realizada, simultaneamente, em Fortaleza e mais 20 campi.

O Sindicato dos Servidores do IFCE (SINDSIFCE) enviará para a Plenária Nacional do SINASEFE (Sindicato Nacional) uma alternativa de proposta a ser entregue para o governo.

Para a categoria, a paralisação só acaba após a assinatura de um termo de acordo pelo Sinasefe que contemple as principais reivindicações do movimento e não com ameaças e ultimato impostos pelo próprio Executivo.

Greve do SINDSIFCE

Técnicos em educação e professores do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE) entraram em greve no dia 11/04.

A Assembleia que deflagrou a greve reuniu mais de 500 servidores.