9 de Agosto – Dia Internacional dos Povos Indígenas

25

 

Hoje, 9 de agosto, comemora-se o Dia Internacional dos Povos Indígenas! O IBGE apresentou em Belém, na segunda-feira (7), os primeiros resultados do Censo Demográfico 2022 para a População Indígena. O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística contabilizou, aqui em nosso Estado, 56.353 pessoas que se autodeclaram indígenas.

O aumento, em quase três vezes, em comparação ao último censo, realizado em 2010, demonstra o orgulho que os indígenas carregam ao autodeclarar-se.

Atualmente, o Ceará é o nono estado do Brasil com maior população indígena. O estado acompanha a tendência nacional de aumento da população indígena no último censo.

Destaques

  • Em 2022, o número de indígenas residentes no Brasil era de 1.693.535 pessoas, o que representava 0,83% da população total do país. Em 2010, o IBGE contou 896.917 mil indígenas, ou 0,47% do total de residentes no território nacional. Isso significa que esse contingente teve uma ampliação de 88,82% desde o Censo Demográfico anterior. Esse aumento expressivo pode ser explicado também por mudanças metodológicas.
  • A maior parte dos indígenas do país (51,25% ou 867,9 mil indígenas) vivia na Amazônia Legal, região formada pelos estados do Norte, Mato Grosso e parte do Maranhão.
  • O Norte concentrava 44,48% da população indígena do país em 2022 (totalizando 753.357 pessoas). Outros 31,22% estavam no Nordeste (o equivalente a 528.800 pessoas).
  • Os dois estados com maior número de pessoas indígenas, Amazonas (490,9 mil) e Bahia (229,1 mil), concentravam 42,51% do total dessa população no país.
  • Em 2022, Manaus era o município brasileiro com maior número de pessoas indígenas, com 71,7 mil. A capital amazonense foi seguida de São Gabriel da Cachoeira/AM, que tinha 48,3 mil habitantes indígenas, e Tabatinga/AM, com 34,5 mil.
  • A Terra Indígena Yanomami (AM/RR) era a que tinha o maior número de pessoas indígenas (27.152), seguida pela Raposa Serra do Sol (RR), com 26.176 habitantes indígenas, e pela Évare I (AM), com 20.177.
  • Dos 72,4 milhões domicílios particulares permanentes ocupados do Brasil, 630.041 tinham pelo menos um morador indígena, correspondendo a 0,87% desse universo total.
  • Do total de 630.041 domicílios com pelo menos um morador indígena, 137.256 estavam localizados dentro de Terras Indígenas (21,79%) e 492.785 estavam localizados fora de Terras Indígenas (78,21%).
  • A média de moradores nos domicílios onde havia pelo menos uma pessoa indígena era de 3,64. Dentro das Terras Indígenas, era de 4,6 pessoas e fora das Terras Indígenas, de 3,37 pessoas. Em todos os casos, foi mais alta do que no total de domicílios do país (2,79).
  • O percentual de moradores indígenas em domicílios particulares permanentes ocupados com pelo menos um morador indígena era de 73,43% para o total Brasil, sendo de 98,41% para os domicílios localizados dentro das Terras Indígenas e de 63,94% fora delas.

Nesse dia tão especial, celebramos a cultura e a tradição de todos os povos originários do Mundo!

Acesse aqui os resultados do Censo Demográfico para a população indígena.

Vídeo: Secretaria dos Povos Indígenas do Ceará – SEPIN.